Especial Armas de Fogo – Tiro Esportivo

5 Flares 5 Flares ×

Tiro Esportivo

É inquestionável o papel do esporte na formação moral de muitos indivíduos, e no encaminhamento de pessoas que, não fossem seus sonhos em ser um grande campeão em determinada modalidade esportiva, seus destinos teriam sido trágicos. No caso do tiro esportivo, podemos ressaltar a possibilidade de “sublimação” de algumas tendências na personalidade dos indivíduos através de sua prática. Ou seja, pessoas que têm índole com tendências agressivas, ligadas a arma de fogo, podem ter na prática do tiro esportivo uma boa válvula de escape para, ao mesmo tempo, suprimir seu ímpeto de “destruição”, e canalizar essa vontade para algo construtivo, divertido e socialmente positivo – a prática desportiva.

No caso de policiais, a prática de tiro esportivo, ao mesmo tempo que lhe fornece todas as vantagens acima elencadas, traz as habilidades necessárias para o exercício de sua função pública, garantindo o condicionamento e o aprendizado de técnicas que podem garantir sua vida e a de terceiros nas ocorrências que enfrentar.

Nesta edição do Especial Armas de Fogo, vamos tratar justamente do Tiro Esportivo, de maneira breve, numa compilação e adaptação de conteúdo já existente na internet. Em seguida aos tópicos abordados, disponibilizaremos as fontes e alguns links úteis para os interessados em se aprofundar no tema.

Conceito, História e Modalidades

Para começar nossa exploração do tema, é importante saber o conceito de Tiro Esportivo:

O tiro desportivo é uma modalidade esportiva que envolve teste de precisão e velocidade no manejo de uma arma de fogo ou ar comprimido. A prática dessa modalidade requer treinamento e disciplina. É indispensável o uso de equipamentos de proteção como óculos e protetor auricular.

Tiro Esportivo nas Olimpíadas de Beijing

A história do tiro desportivo remonta ao final do século 13, mas apenas no século 19, quando a indústria bélica se expandiu, principalmente em virtude das Grandes Guerras, o Tiro Esportivo alcançou a sofisticação atual. No Brasil, a Confederação do Tiro Brasileiro foi fundada em 1906, sendo o primeiro esporte olímpico organizado no Brasil. Dentre outras proezas, o Tiro Esportivo chegou a ser a modalidade com o maior número de atletas na primeira olimpíada de cunho moderno, realizada em Atenas, em 1986. Em 1987, a França foi o país-sede do primeiro Campeonato Mundial.

A grosso modo, o tiro esportivo possui três categorias: pistola, carabina e tiro ao prato. Há variações em relação ao calibre e ao mecanismo de funcionamento, no caso das armas de ar comprimido, e na posição/distância/movimentação do atirador (deitado, em pé, a 50 metros, a 25 metros, rápido etc).

Tiro Olímpico

Tiro Esportivo Olímpico

Como já foi dito, o Tiro tem uma significativa tradição olímpica, competição onde o esporte é mais divulgado e observado. Atualmente, o país com maior número de medalhas olímpicas são os Estados Unidos, com 50 medalhas de ouro, enquanto o segundo colocado, a China, possui 19. O Brasil possui apenas uma medalha de ouro, adquirida na Antuérpia, em 1920, e está abaixo da 30ª colocação no ranking geral.

Veja abaixo as categorias que atualmente fazem parte dos jogos olímpicos:

- Carabina: Há três provas – três posições, deitado e carabina de ar;

- Três posições (masculino e feminino): Atira-se em um alvo a 50 m, deitado, de pé e ajoelhado. São três séries de 40 tiros para homens e três de 20 para mulheres;

- Pequeno calibre - Deitado (masculino): Os competidores ficam deitados e têm de acertar alvos a 50 m de distância. São 60 tiros;

- Carabina de ar (masculino e feminino): De ar comprimido ou de dióxido de carbono. A competição de pé é a uma distância de dez metros. São 60 tiros para homens e 40 para mulheres;

- Pistola: A categoria é dividida em alvo móvel, pistola livre, pistola de ar e tiro rápido;

- Alvo móvel: A prova é dividida em duas fases: lenta e rápida. Na lenta, os competidores têm de acertar alvo visível (prato de 11 cm de diâmetro, feito de argila com calcário e alcatrão) por cinco segundos. Na rápida, o tempo é mais curto, de apenas dois segundos e meio. São disparados 30 tiros em cada fase;

- Pistola livre – 50 m: Atira-se com uma pistola usando só uma mão. São 60 tiros em seis séries, com o alvo fixo colocado a 50 m do atirador;

- Pistola de ar: Mesmo programa da pistola livre, só que com armas de ar comprimido a uma distância de dez metros;

- Tiro rápido masculino: Atira-se a uma distância de 25 m com uma pistola com capacidade para cinco tiros. São disparados cinco tiros em cinco alvos adjacentes. A prova consiste em 60 tiros, realizadas em duas fases de 30 tiros com duas séries de cinco tiros em oito, seis e quatro segundos, gradativamente;

- Tiro rápido feminino: Atira-se a uma distância de 25 m com uma pistola com capacidade para cinco tiros. São disparadas seis séries de cinco tiros em alvos de precisão em um tempo de seis minutos por série e mais 30 tiros de “duelo”;

- Tiro ao prato: as provas são chamadas de skeet, fossa olímpica e dublê;

- Skeet: Os pratos são lançados de casas alta e baixa. Vence quem acertar o maior número de pratos, que podem ser atirados separadamente ou juntos durante o percurso da prov;

- Fossa olímpica: O atirador dá dois tiros e tem de acertar um prato;

- Fossa dublê: O atleta tem que acertar dois pratos com apenas dois tiros.

Leia mais no UOL Esporte

Vale lembrar que, como qualquer esporte, o Tiro Esportivo possui vários graus especialização, da profissionalização ao amadorismo. Desse modo, é válido se reunir com um grupo de amigos e se dirigir a um stand de tiros para praticar o esporte, criando competições e até regras próprias, respeitando, obviamente, as normas básicas de segurança no manuseio do armamento. Na Bahia, o jogo de futebol informal se chama “baba”, e diverte muitos admiradores do futebol – mesmo aqueles sem qualquer habilidade. Se for possível, jogue um “baba” de tiro esportivo, você vai se divertir muito.

Veja abaixo alguns links para saber mais sobre o esporte:

Confederação Brasileira de Tiro Esportivo;

Tiro nas Olimpíadas de Pequim 2008;

Informações Gerais sobre Tiro Esportivo.

Especial Armas de FogoO Especial Armas de Fogo é uma série de posts publicados sempre nas terças-feiras, tratando do mundo das armas de fogo e do tiro policial. Caso você tenha sugestões, mande um email para abordagempolicial@gmail.com

Comments

  1. Por Reinaldo Garcia

    Responder
  2. Por wanderlê

    Responder
  3. Por Tiro Prático

    Responder
  4. Por Tiro Prático

    Responder
  5. Por Tiro Prático

    Responder
  6. Por ADRIANO

    Responder
  7. Por Ricardo Brandão Mesquita

    Responder
  8. Por Manoel Alves Barbosa

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

5 Flares Twitter 0 Facebook 5 Google+ 0 Email -- 5 Flares ×