O que está acontecendo na PM da Paraíba?

0 Flares 0 Flares ×

A justificativa para a proibição da realização de movimentos grevistas por parte dos policiais militares sempre é focada no tipo de serviço essencial que a tropa exerce, não podendo a sociedade viver à revelia da proteção policial militar. As controvérsias surgem quando outras categorias tem o tal direito de greve, exercendo serviços também essenciais à população, e, coincidência ou não, ressalvada a peculiaridade das funções, têm tratamento bem mais agradável por parte dos governos – para não ir muito longe, citemos as polícias civis e federais, que historicamente são privilegiadas em comparação com as PM’s.

Mesmo na ilegalidade, muitas polícias militares já entraram em greve, e ao degustar o sabor da desordem, a sociedade de pronto exerce pressão no governo, que se vê compelido a negociar e ceder à reivindicação. Ultimamente, um meio termo tem sido buscado, dentro da legalidade, onde o serviço policial é prejudicado pelo não cumprimento da lei por parte do próprio Estado. A essa estratégia foram dados nomes como “tolerância zero” e “polícia legal”, como ocorre hoje na Polícia Militar da Paraíba.

Os policiais da PMPB, como foi feito na PM de Sergipe, e como se tentou fazer na PM da Bahia, se recusam a dirigir viaturas sem o curso para condutor de veículos de emergência, exigido pelo Código de Trânsito Brasileiro.

As Insatisfações na PMPB

O que desencadeou o Movimento Polícia Legal na Paraíba não foi apenas a insatisfação dos policiais com a defasagem salarial, mas também certo desprestígio que a Corporação vem tendo por parte do Secretário de Segurança Pública daquele estado, Gustavo Gominho, que é policial federal. Segundo o portal de notícias Paraíba 1, já ocorreram fatos como a prisão de um membro da Polícia Federal por parte da PM, que foi posteriormente, sem explicações, desautorizada.

Condições de trabalho é outra pauta, já que a PMPB também sofre da pobreza que parece ser democratizada entre a maioria dos estados brasileiros: falta de viaturas, coletes, armamentos etc. Por fim, a questão salarial, que já foi modificada pelo Governo em Medida Provisória publicada no Diário Oficial, após o início do Movimento, mas que ainda não agradou a categoria. Veja a tabela salarial atual (após a edição da Medida Próvisória) da PMPB, em comparação com o que estava estabelecido no início do governo atual (há mais de três anos atrás):

PATENTE ——— ATUAL ———- ANTERIOR —— PROGRESSO
Soldado:————- R$ 1.764,00 ——– R$ 1.564,36 —– R$ 199,64
Cabo:—————– R$ 1.971,46 ——- R$ 1.766,33 —— R$ 205.13
3º Sargento:——— R$ 2.213,38 ——- R$ 2.085,61 —— R$ 127.77
2º Sargento:——— R$ 2.538,74 ——- R$ 2.410,94 —— R$ 127,80
1º Sargento:——— R$ 2.917,26 ——- R$ 2.772,05 —— R$ 145.21
Subtenente:———- R$ 3.327,72 ——- R$ 3.196,20 —— R$ 131,52
Aspirante:———— R$ 3.086,28 ——– R$ 2.939,31 —– R$ 146.97
2º Tenente:——— R$ 3.857,66 ——- R$ 3.751,96 —— R$ 105.70
1º Tenente:———- R$ 4.476,02 ——- R$ 4.392,48 —— R$ 83,54
Capitão:————– R$ 5.280,96 ——- R$ 5.190,65 —– R$ 90,31
Major:—————- R$ 6.073,00 ——- R$ 5.990,22 —— R$ 82,78
Tenente-coronel:— R$ 6.867,78 ——- R$ 6.819,75 —– R$ 48,03
Coronel:————– R$ 8.664,34 ——- R$ 8.551,76 —– R$ 112,58

O diferencial paraibano

Ao que se vê, tal qual ocorreu com o movimento na Polícia Militar de Sergipe, o Polícia Legal paraibano está obtendo resultados. Muitas unidades estão sem viaturas em sua área de atuação, e a mídia está dando visibilidade ao movimento – e aqui é importante pontuar que uma disputa reivindicatória é, antes de tudo, uma disputa de comunicação.

O ambiente corporativo parece estar favorável à implementação dos objetivos do Movimento, já que os policiais motoristas não estão isolados, recebendo toda a carga de responsabilidade em tocar a reivindicação. Oficiais de dois batalhões já colocaram seus cargos à disposição do Governo, e o próprio Comandante Geral, Coronel PM Fernando, admitiu que “é uma reivindicação justa e meritória, pois eles (os policiais) querem uma qualificação melhor para melhor prestar o serviço policial ao cidadão”.

Torcemos para que a PMPB consiga avanços significativos, e que as benesses alcançadas se convertam em melhor qualidade de serviço prestado à população paraibana.

Comments

  1. Por Victor F. Fonseca

    Responder
  2. Por ACE

    Responder
  3. Por SD JESUS

    Responder
  4. Por JAILTON/RN

    Responder
  5. Por ricardo lima

    Responder
  6. Por sargento garcia

    Responder
  7. Por pmpb

    Responder
  8. Por Richard

    Responder
  9. Por Antonio

    Responder
  10. Por FiremanDF

    Responder
  11. Por Luciano da Silva Mendonça

    Responder
  12. Por vanzinha

    Responder
  13. Por Alexandre Rodriguez

    Responder
  14. Por CAD PM SOARES

    Responder
  15. Por André

    Responder
  16. Por André - PB

    Responder
  17. Por André - PB

    Responder
  18. Por NELSON JR

    Responder
  19. Por pedro

    Responder
  20. Por marcos

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×