Os problemas com as armas Taurus 
Mulheres com medidas protetivas poderão acionar botão para chamar a polícia em Pernambuco 
Jovens são presos por desacato após comentar ações de policiais 

EAD

O Ministério da Justiça, através da Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP), acaba de abrir as inscrições para o Ciclo 25 dos Cursos de Ensino à Distância (EAD). Podem fazer os cursos policiais federais, rodoviários federais, civis, militares, guardas municipais e agentes penitenciários. Ao todo, são 66 cursos, de temáticas variadas, ligadas ao tema da segurança pública, com duração de 40 ou 60 horas. As inscrições podem ser efetuadas entre os dias 10/05/2012 e 12/05/2012. Caso o limite de 200 mil vagas abertas não seja preenchido, o aluno já inscrito nesta primeira fase poderá se inscrever em um novo curso entre os dias 13/05/2012 e 14/05/2012. É bom lembrar que a realização de cursos oferecidos pela SENASP é critério para o recebimento do Benefício Social Bolsa Formação, cerca de R$400,00 mensais oferecidos àqueles profissionais de segurança pública que preencherem todos os requisitos abaixo: 1. Receber remuneração mensal bruta de até R$ 1.700,00 (mil e setecentos reais). Considera-se remuneração mensal o salário bruto excluído férias e 13º. 2. Não ter sido responsabilizado ou condenado pela prática de infração administrativa grave, nos últimos cinco anos; 3. Não possuir condenação penal nos últimos cinco anos, e 4. Frequentar, a cada doze meses, ao menos um dos cursos oferecidos pela Secretaria Nacional de Segurança Pública ou pelo Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça. Clique aqui e faça sua inscrição em um dos cursos EAD SENASP.
A partir desta terça-feira, 26 de janeiro, os profissionais de segurança pública brasileiros poderão se inscrever para um novo ciclo de Cursos à Distância promovidos pela SENASP. O 18º Ciclo do programa EAD SENASP irá disponibilizar 200.000 vagas para policiais civis, militares, peritos, bombeiros, agentes penitenciários e guardas municipais. Vale ressaltar que geralmente as vagas acabam bem antes do encerramento das inscrições, previsto para 30 de janeiro. No 16º ciclo, por exemplo, as vagas acabaram em menos de um dia. A tática utilizada é a de realizar a inscrição logo após a meia noite. Além do conhecimento adquirido nos cursos, que possuem uma didática leve e interativa, ao concluinte é dado o direito de ser beneficiário da Bolsa Formação, caso ele receba até 1,7 mil reais brutos: Bolsa Formação, Olímpica e Copa O grande "argumento" utilizado pelo Ministério da Justiça para convencer os policiais a fazerem os cursos é sua condição de pré-requisito para que os profissionais de segurança pública recebam o benefício social Bolsa Formação, que dá R$ 400,00 por mês a quem realizar pelo menos um curso. É salutar observar que a atual faixa salarial de R$ 1.700,00 provavelmente será aumentada, o que deve motivar policiais que recebam salários mais altos a se inscrever nos cursos. A Bolsa Olímpica e/ou a Bolsa Copa, prometidas pelo Governo Federal, também podem prescindir destes cursos para que sejam concedidas, já que todas elas focam a questão da formação em troca dos recursos. Novos Cursos no Ciclo 18 Como é de costume, o novo ciclo de Cursos EAD traz alguns novos cursos para os policiais. Veja abaixo os seis que serão inclusos desta vez: - Papiloscopia 2; - Identificação Veicular 2; - Fiscalização de Excesso de Peso; - Mediação de Conflito 2; - Espanhol 1; - Cartéis. Uma dica importante para os leitores do Abordagem Policial que não estão em cidades com Horário de Verão: para você, a inscrição começa às 23h00 de hoje, e não à 00h00, quando já terá se passado uma hora de inscrições abertas. Se antecipe e tire o máximo proveito dos cursos... Abaixo, alguns links úteis: Clique aqui para acessar a ficha de inscrição. Clique aqui para ler as descrições dos cursos. Clique aqui para acessar o Ambiente Virtual EAD/SENASP.
A partir de amanhã, sexta-feira, 14 de agosto, até a próxima terça, 18, estarão abertas as inscrições para os cursos EAD SENASP, promovidos pelo PRONASCI, o Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania. São 210.000 vagas disponibilizadas neste ciclo, 30.000 a mais que o Ciclo 16, que disponibilizou 180.000 vagas. Só para se ter idéia da procura pelos cursos, no ciclo passado as vagas terminaram em menos de 24 horas - argumento forte para que os leitores policiais do Abordagem se antecipem e já a partir de 00:00 de hoje acessem o Ambiente Virtual da SENASP EAD para se inscreverem. Bolsa Formação A grande procura pelos cursos se dá por eles serem pré-requisitos para que os profissionais de segurança pública recebam o benefício social Bolsa Formação, do Governo Federal, que contempla os policiais que realizarem pelo menos um dos cursos, e que recebam menos de R$1.700,00 brutos de salário, com uma bolsa de R$400,00 durante um ano, renovável por mais um. Leia o post tira-dúvidas do Bolsa Formação e saiba mais sobre o programa. Novos Cursos Neste Ciclo 17 a SENASP traz, como costuma fazer, seis novos cursos para os policiais, a saber: Enfrentamento da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes; Papiloscopia 1; Termo Circunstanciado; Capacitação em Educação para o Trânsito; Fiscalização Interestadual de Transportes de Passageiro; e Psicologia das Emergências. Veja a lista de todos os cursos oferecidos, que agora já são 48: 1. Análise Criminal - AC; 2. Aspectos Jurídicos da Abordagem Policial – AJAP; 3. Atuação Policial frente aos Grupos Vulneráveis - APGV; 4. Busca e Apreensão – BEA; 5. Capacitação em Educação Para o Trânsito - CEPT; 6. Combate à Lavagem de Dinheiro – CLD; 7. Convênios - CONV; 8. Crimes Ambientais - CRA; 9. Democracia Participativa - DP; 10. Direitos Humanos – DH; 11. Elaboração de Materiais para Educação a Distância - EMEAD; 12. Emergentista Pré-Hospitalar - EPH; 13. Emergentista Pré-Hospitalar 2 - EPH2; 14. Enfrentamento da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes - EESCA; 15. Filosofia dos Direitos Humanos Aplicada à Atuação Policial - FDHAP; 16. Fiscalização Interestadual de Transportes de Passageiro - FITP; 17. Formação de Formadores; 18. Gerenciamento de Crise - GDC; 19. Gestão de Projetos - GP; 20. Identificação Veicular - IDV; 21. Integração das Normas Internacionais de Direitos Humanos na Área de Segurança Pública - IIDH; 22. Intervenção em Emergências com Produtos Perigosos - IEPP; 23. Investigação Criminal 1 - IC1; 24. Investigação Criminal 2 - IC2; 25. Licitações e Contratos Administrativos - LCA; 26. Mediação de Conflitos 1 - MC1; 27. Papiloscopia 1 – PAP1; 28. Planejamento Estratégico - PES; 29. Planejamento Orientado por Problemas (Sara Model) - POP; 30. Polícia Comunitária - PCO; 31. Português Instrumental - PTI; 32. Preservação de Local de Crime VA – PLCVA; 33. Psicologia das Emergências - PDE; 34. Redação Técnica - RDT; 35. Representação Facial Humana 1 - RFH1; 36. Representação Facial Humana 2 - RFH2; 37. Resolução de Conflitos Agrários - RCA; 38. Saúde ou doença: em qual lado você está? VA – SODVA; 39. Segurança Pública sem Homofobia - SPSH; 40. Sistema de Comando de Incidentes - SCI; 41. Sistema e Gestão em Segurança Pública - SGSP; 42. Técnicas e Tecnologias Não Letais de Atuação Policial - TNL; 43. Termo Circunstanciado - TC; 44. Tópicos em Psicologia Relacionados à Segurança Pública - TEP; 45. Tráfico de Seres Humanos VA– TSHVA; 46. Uso das Informações na Gestão das Ações de Segurança Pública – UIG; 47. Uso Progressivo da Força VA – UPFVA; 48. Violência, Criminalidade e Prevenção VA – VCPVA. * * * Tem gente que está pensando em deixar de fazer os cursos por ter recebido aumento salarial, ou porque nunca esteve dentro da faixa exigida (menos de R$1.700,00 brutos) para ganhar a Bolsa Formação. Lembro que, como publicamos aqui, há a expectativa do aumento do teto salarial, incluindo todos aqueles que ganham menos de R$ 5.000,00 brutos entre os aptos para receber a Bolsa. Mas vale lembrar que os cursos são simples de fazer e de grande esclarecimento para qualquer profissional de segurança - já fiz mais de dez deles e posso garantir. Abaixo, alguns links úteis: Clique aqui para acessar a ficha de inscrição. Clique aqui para ler as descrições dos cursos. Clique aqui para acessar o Ambiente Virtual EAD/SENASP.
Atenção policiais civis, militares, peritos, bombeiros, agentes penitenciários e guardas municipais de todo o Brasil: a partir do dia 08 de maio (sexta-feira), até o dia 12 de maio (terça-feira), estarão abertas as inscrições para o próximo ciclo dos cursos à distância da SENASP (PRONASCI), o ciclo 16. Ao todo, serão disponibilizadas 180.000 vagas, podendo o profissional escolher entre os 41 cursos abaixo: 1. Análise Criminal - AC; 2. Aspectos Jurídicos da Abordagem Policial – AJAP; 3. Atendimento Policial a Mulheres Vítimas de Violência Doméstica – MVV; 4. Atuação Policial frente aos Grupos Vulneráveis - APGV; 5. Busca e Apreensão – BEA; 6. Combate à Lavagem de Dinheiro – CLD; 7. Conflito Agrário - CA; 8. Convênios - CONV; 9. Crimes Ambientais - CRA; 10. Democracia Participativa - DP; 11. Direitos Humanos – DH; 12 - Elaboração de Materiais para Educação a Distância - EMEAD; 13. Emergentista Pré-Hospitalar - EPH; 14. Emergentista Pré-Hospitalar 2 - EPH2; 15. Filosofia dos Direitos Humanos Aplicada à Atuação Policial - DHAP; 16. Formação de Formadores; 17. Gerenciamento de Crise - GDC; 18. Identificação Veicular - IDV; 19. Integração das Normas Internacionais de Direitos Humanos na Área de Segurança Pública - IIDH; 20. Intervenção em Emergências com Produtos Perigosos - IEPP; 21. Investigação Criminal 1 - IC1; 22. Investigação Criminal 2 - IC2; 23 - Licitações e Contratos Administrativos - LCA; 23 - Licitações e Contratos Administrativos - LCA; 25. Planejamento Estratégico - PES; 26. Planejamento Orientado por Problemas (Sara Model) - POP; 27. Polícia Comunitária - PCO; 28. Português Instrumental - PTI; 29. Preservação de Local de Crime – PLC; 30. Representação Facial Humana 1 - RFH1; 31. Representação Facial Humana 2 - RFH2; 32. Saúde ou doença: em qual lado você está? – SOD; 33. Segurança Pública sem Homofobia - SPSH; 34. Sistema de Comando de Incidentes - SCI; 35 - Sistema e Gestão em Segurança Pública - SGSP; 36. Técnicas e Tecnologias Não Letais de Atuação Policial - TNL; 37. Tópicos em Psicologia Relacionados à Segurança Pública - TEP; 38. Tráfico de Seres Humanos – TSH; 39. Uso das Informações na Gestão das Ações de Segurança Pública – UIG; 40. Uso Progressivo da Força – UPF; 41. Violência, Criminalidade e Prevenção – VCP. Novos Cursos Como vem sendo costume, a SENASP adicionou novos cursos neste ciclo, dentre eles, Convênios na área de segurança, Mediação de Conflitos 1; Atuação Policial Frente aos Grupos Vulneráveis; Planejamento Estratégico; e Planejamento orientado por problemas. Aulas Presenciais Após a divulgação de que policiais estavam pagando para que colegas fizessem os cursos, o Ministério da Justiça resolveu modificar o método de avaliação, e agora as provas serão presenciais. Vejam o informativo que foi enviado aos participantes do projeto EAD da SENASP, contendo também outras medidas relevantes: Bolsa Formação Não podemos esquecer que a realização dos cursos à distância da SENASP habilitam os profissionais de segurança pública a receberem a Bolsa Formação, programa do Ministério da Justiça que está complementando com R$400,00 a renda de policiais que recebem menos de R$1700,00 brutos. Clique aqui e tire suas dúvidas sobre a Bolsa Formação. Fique atento para não perder sua vaga. Não são poucos os policiais que pretendem esperar a 00:00 desta sexta-feira para realizar sua inscrição. Clique aqui para acessar a ficha de inscrição. Clique aqui para ler as descrições dos cursos. Clique aqui para acessar o Ambiente Virtual EAD/SENASP.
O Blog da Segurança Pública anunciou com antecedência, o Diário de um PM e o Universo Policial também já divulgaram, mas pela importância do assunto lembramos aqui a nossos leitores que já começou as inscrições para o 15º ciclo dos Cursos à Distância da SENASP, Secretaria de Segurança Pública. Ao contrário dos outros ciclos, o 15º possui uma limitação: “O período de inscrições para o ciclo 15 será de 26/01/2009 a 02/02/2009 ou até o limite de 150.000 inscrições, o que ocorrer primeiro”. Ou seja: quem quiser fazer os cursos tem que correr, porque as inscrições certamente acabarão antes do prazo previsto. Por que é importante fazer os cursos EAD SENASP? Ora, primeiro lembremos que os cursos tratam de assuntos que interessam a todos os profissionais de segurança pública (policiais militares, civis, peritos e bombeiros militares). Vejam a lista de cursos: Cursos com 40 horas/aula: - Atendimento Policial a Mulheres Vítimas de Violência; - Direitos Humanos; - Saúde ou doença: em qual lado você está?; - Tráfico de Seres Humanos; - Violência, Criminalidade e Prevenção; Cursos com 60 horas/aula: - Análise Criminal; - Atuação Policial frente aos Grupos Vulneráveis (NOVO); - Busca e Apreensão; - Combate à Lavagem de Dinheiro; - Crimes Ambientais; - Crimes de Violência Doméstica; - Elaboração de Materiais para Educação a Distância; - Emergencista Pré-Hospitalar; - Formação de Formadores; - Gerenciamento de Crise; - Identificação Veicular; - Intervenção em Emergências com Produtos Perigosos; - Investigação Criminal 1; - Investigação Criminal 2; - Licitações e Contratos Administrativos; - Local do Crime: Isolamento e Preservação; - Mediação de Conflitos 1(NOVO); - Planejamento Estratégico (NOVO); - Planejamento Orientado por Problemas (SARA MODEL) (NOVO); - Polícia Comunitária; - Português Instrumental; - Redação Técnica; - Representação Facial Humana 1; - Representação Facial Humana 2; - Segurança Pública sem Homofobia - Pré-requisito: ter concluído o curso Direitos Humanos; - Sistema de Comando de Incidentes; - Sistema e Gestão em Segurança Pública; - Técnicas e Tecnologias Não Letais de Atuação Policial - Pré-requisito: ter concluído o curso Uso Progressivo da Força; - Uso das Informações na Gestão das Ações de Segurança Pública; - Uso Progressivo da Força. Além disso, o curso é pré-requisito para que o profissional de segurança pública perceba a Bolsa Formação, auxílio que o Governo Federal está dando aos policiais que possuem o salário bruto inferior a R$1700,00 - daí a grande procura pelos cursos. Apesar das afirmações acerca da possibilidade de corte da Bolsa Formação, parece que o Ministério da Justiça tomou como solução limitar o oferecimento dos cursos, e, conseqüentemente, o número de inscritos na Bolsa Formação. Clique aqui e acesse a ficha de inscrição.